TOP 10 ÁLBUNS DE 2014

Ano fraquíssimo em comparação com 2013, mas dentre os bons, meus favoritos são esses:

1. The War on Drugs – Lost in the Dream
2. Purling Hiss – Weirdon
3. Neil Young – Storytone
4. Pixies – EP2
5. Sharon Van Etten – Are We There?
6. Beck – Morning Phase
7. Down – Down IV Part 2
8. Swans – To Be Kind
9. Cloud Nothings – Here and Nowhere Else
10. Bruce Springsteen – High Hopes

Também muito bons:
Foo Fighters – Sonic Highways
Bob Mould – Beauty and Ruin;
Against Me! – Transexual Dysphoria Blues;
Brody Dalle – Diploid Love;
Damon Albarn – Everyday Robots;
Stephen Malkmus and The Jicks – Wig Out at Jagbags;
PJ Harvey – Red Right Hand;
Wild Beasts – Present Tense;
Morrissey – World Peace is None of Your Business;
The Breeders – Biker Gone/Beautiful Moon;
Calle 13 – Multi Viral;
Ty Segall – Manipulator;
Parquet Courts – Sunbathing Animal;
Meatbodies – Meatbodies;
AC/DC – Rock or Bust;
Black Rebel Society – Catacombs of the Black Vatican;
Leonard Cohen – Popular Problems;
Pink Floyd – The Endless River;

Muito ruins:
St. Vincent – St. Vincent;
Interpol – El Pintor;
Alt-J – This is All Yours;
Drowners – Drowners;
tUnE-yArDs – Nikki Nack;
Spoon – They Want My Soul;

Fora muitos e muitos e milhares de outros que eu não tive a oportunidade de ouvir. Parece que esse ano os anciãos se saíram melhor que os novatos, nada de novo. No mais, achei que o indie deu uma caída em relação ao ano interior (exemplo de Kurt Vile, autor do melhor álbum de 2013), e que o folk e o metal tiveram os melhores representantes.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s